Daniel Vilela diz à revista que a CCJ não vai segurar eventual denúncia contra Michel Temer


Deputado do MDB deve assumir a presidência da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara, onde será analisada uma possível nova denúncia contra o presidente da República

0

O deputado federal pelo MDB e pré-candidato ao governo de Goiás, Daniel Vilela, disse à Revista Época que ninguém será capaz de segurar eventual nova denúncia da Procuradoria Geral da República (PGR) contra o presidente Michel Temer se ela for consistente e robusta. A possibilidade de nova denúncia contra Temer cresceu após as prisões de colaboradores muito próximos a ele, ocorridas no curso da operação Skala, da Polícia Federal.

A Operação Skala tem o objetivo de coletar provas para o inquérito que investiga se o presidente Michel Temer editou um decreto a fim de favorecer empresas portuárias, em especial a Rodrimar, em troca de propina.

Vilela fez a declaração após ser questionado sobre a deflagração da operação. O emedebista disse, no entanto, que ainda não assumiu a CCJ e que pode inclusive não fazê-lo, já que há a possibilidade de ceder o posto para alguém mais próximo do presidente. Candidato ao governo de Goiás, Daniel Vilela não quer essa batata quente na sua mão.

Sobre o autor

Graduando em Administração de Empresas pela UFG - Campus Goiânia, crítico das práticas politiqueiras e absolutamente intolerante a corrupção. @regesmaia

Comments are closed.