Desgaste de José Eliton é o preço pago pela redução drástica dos gastos com propaganda e noticiário


Sucessor de Marconi Perillo reduziu consideravelmente os gastos com propaganda e noticiário no primeiro semestre de 2018. Valor empenhado até junho somava menos de 30% do que foi gasto no ano passado

0

No período de 2011 a 2017, o ex-governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), gastou mais de R$ 1 bilhão em propaganda e noticiário. Só no ano passado, o governo de Goiás torrou quase R$ 168 milhões com serviços de publicidade. A estratégia do tucano era diminuir os impactos da má gestão através de artigos bem elaborados e notícias positivas nos meios de comunicação do Estado, incluindo aí, blogs, sites e jornais digitais.

O desgaste apresentado pelo atual governador, José Eliton, também do PSDB, pode ser explicado pela redução drástica dos gastos com propaganda e publicidade no primeiro semestre de 2018. Com as contas comprometidas pelos altos déficits deixado pelo antecessor, José Eliton sofre para pagar a folha dos servidores e por isso tem sido impossível manter os gastos com comunicação, como fazia Marconi Perillo.

De janeiro a junho de 2018, o governo de Goiás empenhou R$ 47 milhões e desse total cerca de R$ 39 milhões foram efetivamente executados. O valor liquidado representa apenas 23,3% do que foi gasto no ano passado com a comunicação estatal do Governo de Goiás. Sem dinheiro, a “rede de comunicação amiga” reduziu-se sobremaneira e notícias negativas do governo de Goiás, como a dificuldade financeira e fiscal enfrentada pelo Estado, propagam-se diariamente.

 

Sobre o autor

Graduando em Administração de Empresas pela UFG - Campus Goiânia, crítico das práticas politiqueiras e absolutamente intolerante a corrupção. @regesmaia

Comments are closed.