Dirigente emedebista pede expulsão de Maguito Vilela do MDB


Presidente do Diretório Municipal do MDB em Catalão-GO diz que o ex-prefeito de Aparecida de Goiânia feriu o código de ética do partido ao pregar aliança com o PSDB em Goiás

0

O presidente do Diretório Municipal do MDB em Catalão, Cairo Roberto do Santos Batista, protocolou ontem, 2, na sede do Diretório Regional do partido, pedido de instauração de processo ético em desfavor do ex-prefeito de Aparecida de Goiânia, Maguito Vilela, pai do pré-candidato do MDB ao governo de Goiás, Daniel Vilela.

Segundo Cairo Roberto, Maguito Vilela estaria agindo em disposição contrária ao crescimento, princípios programáticos e unidade do partido, ferindo o que dispõe o artigo 20, incisos I, IV, V, IX e XIII, do Código de Ética Partidário. O dirigente pede a expulsão de Maguito dos quadros do MDB.

“Na verdade, a recente posição adotada pelo ex-Governador Maguito Vilela representa a maior traição acontecida em todos os tempos de existência do MDB goiano, o que, de forma inequívoca, também documenta a sua infidelidade com o partido e com todos emedebistas goianos”, diz o dirigente catalano, ao se referir à suposta proposta de Maguito de uma eventual aliança do MDB com o PSDB de Marconi Perillo em Goiás.

 

Sobre o autor

Graduando em Administração de Empresas pela UFG - Campus Goiânia, crítico das práticas politiqueiras e absolutamente intolerante a corrupção. @regesmaia

Comments are closed.