Dona Íris descarta apoiar uma eventual aliança do MDB com o PSDB em Goiás


A decana emedebista faz parte da ala do partido que tem se mantido sempre distante do tucanato de Marconi Perillo e é vista como um dos principais nomes da oposição em Goiás

0

A primeira dama de Goiânia, ex-deputada federal Dona Íris de Araújo, usou sua conta no Twiiter para descartar qualquer hipótese de apoio a uma eventual aliança do MDB com o PSDB de Marconi Perillo em Goiás. A possibilidade foi aventada pelo ex-prefeito de Aparecida de Goiânia, Maguito Vilela, em entrevista concedida na semana passada.

Para Dona Íris, do seu ponto de vista e mesmo sem conhecer o contexto em que foi levantada essa possibilidade, essa é uma aliança que não prospera. “Estou fora de Goiás e portanto longe do contexto. Disse ao Maguito e ao Daniel, desde o início, que esse tipo de aliança com PSDB goiano não faz parte do meu credo. Pronto, falei”, escreveu.

O próprio Daniel Vilela, pré-candidato do MDB ao governo de Goiás, tem usado os canais de comunicação para negar um eventual acordo com o PSDB. “Essa possibilidade não existe em Goiás”, tem dito o emedebista.

 

Sobre o autor

Graduando em Administração de Empresas pela UFG - Campus Goiânia, crítico das práticas politiqueiras e absolutamente intolerante a corrupção. @regesmaia

Deixe um comentário