Dona Íris é recepcionada com festa na convenção do MDB goiano


Militância do partido ovacionou a primeira dama de Goiânia, pré-candidata a uma cadeira na Câmara Federal, que é tida como um dos nomes mais fortes do partido na corrida eleitoral deste ano

0

A primeira dama de Goiânia e pré-candidata a Deputada Federal por Goiás, Dona Íris de Araújo, foi recebida com festa e entusiasmo na convenção do MDB goiano, na manhã deste sábado, 4, no Oliviera’s Place, no Setor Bueno. Uma multidão aguardava a ex-deputada na entrada do prédio, que ficou pequeno para a quantidade de pessoas que compareceram ao evento.

Cercada por partidários e admiradores, Dona Íris teve dificuldades para percorrer o corredor humano que levava ao interior do prédio. Aos gritos de “Dona Íris, Dona Íris”, a multidão seguiu a primeira dama, que estava acompanhada do prefeito Iris Rezende e do pré-candidato ao Governo de Goiás, Daniel Vilela.

Em seu discurso, Dona Íris fez questão de enaltecer o trabalho e a história de Rezende dentro e para o MDB, lembrando que nas ocasiões mais difíceis para o partido lá estava o decano emedebista sempre pronto a comandar os correligionários para a frente de batalha. “Iris é o grande timoneiro do MDB. Se hoje estamos aqui, iniciando uma nova caminhada em prol de Goiás e do povo goiano, devemos a Iris a grandeza do nosso partido e a empolgação da nossa militância”, afirmou.

Segundo Dona Íris, não há mágica para o resgate da confiança na política e nos políticos e isso só será possível através do voto consciente do eleitor, que deve assumir o compromisso de privilegiar candidatos ficha limpa na essência e no currículo. “Por isso mesmo, tenho muita tranquilidade de colocar meu nome à apreciação do eleitorado, até porque não me faltam disposição e coragem para essa empreitada”, disse Dona Íris, avalizada por uma história de lutas em defesa da democracia e do povo goiano.

 

Sobre o autor

Graduando em Administração de Empresas pela UFG - Campus Goiânia, crítico das práticas politiqueiras e absolutamente intolerante a corrupção. @regesmaia

Comments are closed.