Enquanto governo Marconi paga R$ 1,5 mil para policiais, Goiânia registra 22 roubos de carros por dia

0

Enquanto 397 agentes e escrivães substitutos da Polícia Civil de Goiás (PC-GO) recebem R$ 1.500,00 por mês, Goiânia registra, em média, 22 roubos ou furtos de carros por dia.

Somente no ano passado, segundo dados da própria Secretaria de Segurança Pública do Estado de Goiás (SSP-GO), a capital registrou 8.099 furtos ou roubos de veículos.

Os bairros com os maiores números de roubos foram: Jardim América, Bueno, Parque Amazônia, Oeste e Cidade Jardim. Em relação aos furtos, os cinco setores com os maiores índices foram Centro, Leste Universitário, Jardim Goiás, Cidade Jardim e Campinas.

Por conta desses números, Goiás é, de acordo com o Anuário de Segurança Pública divulgado em outubro do ano passado, o vice-campeão nestes tipos de crimes, perdendo apenas para o estado do Rio de Janeiro. Dados do estudo mostram que a cada 100 mil veículos, 799 são roubados ou furtados no estado.

Sobre o autor

Graduando em Administração de Empresas pela UFG - Campus Goiânia, crítico das práticas politiqueiras e absolutamente intolerante a corrupção. @regesmaia

Comments are closed.