Ernesto Roller (MDB), prefeito de Formosa, diz que não há a mínima possibilidade de apoiar aliança com o PSDB em Goiás


Ameaçado de expulsão por declarar apoio a Caiado, prefeito diz que Goiás precisa se livrar do que chamou de governo de compadrio e sugere que Maguito Vilela, ex-prefeito de Aparecida de Goiânia, quer enterrar o MDB de vez

0

O prefeito de Formosa, Ernesto Roller (MDB), um dos principais nomes do partido e ameaçado de expulsão por ter declarado apoio a Ronaldo Caiado, disse hoje, 29, que não há a mínima possibilidade de apoiar uma eventual aliança com o grupo de Marconi Perillo (PSDB) em Goiás, como sugeriu o ex-prefeito de Aparecida de Goiânia, Maguito Vilela, pai do pré-candidato emedebista, Daniel Vilela.

Para Roller, o discurso de Maguito é um desvario político, que não encontra ressonância sequer na ala mais liberal do partido. O prefeito de Formosa dá a entender que Maguito age para acabar com o que restou do MDB e jogar o espólio do partido no colo de Marconi e José Eliton.

“Enquanto Daniel e o pai querem acordo com o Marconi/Eltim, eu quero um Goias sem roubo, sem compadrio, sem nepotismo e que cuide das necessidades da população… Por isso sou Caiado! Pode expulsar, fazer o que quiser, não faço acordo com adversários”, afirmou Ernesto Roller.

 

Sobre o autor

Graduando em Administração de Empresas pela UFG - Campus Goiânia, crítico das práticas politiqueiras e absolutamente intolerante a corrupção. @regesmaia

Comments are closed.