Governador Ronaldo Caiado quita folha de dezembro de 2018


Dívida referente aos salários dos servidores estaduais, num total de R$ 1,6 bilhão, foi deixada em aberto e sem empenho pelo ex-governador José Eliton. O calote foi um dos motivos que levaram à rejeição das contas do tucano pelo Tribunal de Contas

0

O governo de Goiás, por meio da Secretaria da Economia, informa que, conforme compromisso firmado com os servidores públicos em fevereiro desse ano, finaliza hoje o pagamento do mês de dezembro de 2018 a todos os servidores. Nesta quarta-feira (28/8), foi feito depósito aos bancos no valor de R$ 100,7 milhões referentes ao pagamento da sexta e última etapa do escalonamento.

Os 6.087 servidores que receberam hoje correspondem a 3,5% do total da dívida herdada. Ao todo, foram cerca de 170 mil servidores que não receberam dezembro no governo anterior. Além de honrar com o pagamento todos os meses deste ano da folha normal, foi preciso inserir a dívida que foi deixada de dezembro.

Ressalta-se que só foi possível honrar com o compromisso assumido em fazer o escalonamento em seis etapas e pagar todas elas impreterivelmente, conforme acordado com o funcionalismo público, graças ao esforço de arrecadação e envolvimento de todos os órgãos no corte de despesas.

Sobre o autor

Graduando em Administração de Empresas pela UFG - Campus Goiânia, crítico das práticas politiqueiras e absolutamente intolerante a corrupção. @regesmaia

Comments are closed.