Procurador da Lava Jato sai em defesa do promotor Fernando Krebs e diz que Gilmar Mendes merece as críticas que recebe


Deltan Dallagnol disse, no Twitter, que críticas, mesmo duras e ácidas, não configuram crime funcional e que o ministro do Supremo é passível de críticas sim

0

O procurador da Operação Lava Jato Deltan Dallagnol disse hoje, 10, na sua conta no Twiiter, que o ministro Gilmar está a merecer as críticas que vem recebendo de todos os brasileiros, inclusive dos membros do ministério público.

Comentando um tuíte que informava a intenção da Corregedoria Nacional do Ministério Público de instaurar portaria para apurar se o promotor Fernando Krebs cometeu infração disciplinar ao criticar o ministro Gilmar Mendes, Dallagnol afirmou que a liberdade de expressão é uma garantia legal e  só a lei deve limitar o direito do cidadão nesse sentido, seja ele funcionário público ou não.

“Critica fundada em fatos ou argumentos, mesmo dura ou ácida, não caracteriza infração funcional. Limite da liberdade de expressão deve ser lei (calúnia, injúria, difamação). Do contrário, membros do MP serão amordaçados ao sabor de circunstâncias e poderosos. E Gilmar Mendes merece críticas”, escreveu.

 

Sobre o autor

Graduando em Administração de Empresas pela UFG - Campus Goiânia, crítico das práticas politiqueiras e absolutamente intolerante a corrupção. @regesmaia

Deixe um comentário