Vereadora usa a tribuna da Câmara para divulgar informação inverídica sobre recursos para asfalto em Goiânia

0

A vereadora de Goiânia em primeiro mandato, Sabrina Garcez (PMB), usou a tribuna da Câmara na manhã de hoje, 10, para divulgar a seus pares uma informação que não se sustenta. De acordo com a edil, a Prefeitura de Goiânia teria perdido o prazo para envio de documentação necessária para assegurar o empréstimo de US$ 100 milhões junto ao Banco Andino e que serão usados para a troca da capa asfáltica deteriorada da malha viária de Goiânia. “O prefeito não fez sua parte e o empréstimo não sai mais este ano”, teria dito a vereadora.

A verdade, no entanto, é que nada foi perdido. De acordo com a assessoria de comunicação da Prefeitura, o que houve foi um pedido da Secretaria do Tesouro Nacional, órgão que cuida da tramitação dos processos em que a União é garantidora do empréstimo, para que a documentação, mais precisamente as Certidões inerentes a regularidade econômica-financeira e do Tribunal de Contas do Município, fossem atualizadas, já que, como o processo começou a tramitar em 2016 e as certidões à época se referiam ao ano de 2015, se faz necessário a atualização das mesmas.

A Prefeitura de Goiânia foi oficiada em 18 de abril de 2017 e tem 60 (sessenta) dias para providenciar a regularização dos documentos e enviá-los eletronicamente ao Tesouro Nacional. A “barrigada” da vereadora estreante mostra falta de comprometimento e cria uma celeuma desnecessária para a população goianiense.

Sobre o autor

Graduando em Administração de Empresas pela UFG - Campus Goiânia, crítico das práticas politiqueiras e absolutamente intolerante a corrupção. @regesmaia

Comments are closed.