Connect with us

Política

Governador Ronaldo Caiado reafirma que não mandou fechar supermercados e chama de fake news informações que dizem o contrário

O democrata usou o Twitter para esclarecer à população que os supermercados, assim como postos de combustíveis, laboratórios, farmácias e distribuidoras de gás, continuam abertos.

Published

on

O governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), usou as redes sociais para desmentir áudios que circulam em grupos de WhatsApp, dando conta de que haveria determinação do governo goiano para o fechamento de supermercados, o que não é verdade.

“Circula áudio no WhatsApp com informação falsa de que eu mandei fechar supermercados. É fake news! Continuam abertos, assim como farmácias, laboratórios, distribuidoras de gás e postos de combustíveis. Vamos pensar no próximo e não promover o desabastecimento. Divulgue a verdade!”, escreveu o governador de Goiás na sua conta pessoal do Twitter.

Na noite desta terça-feira (17/03), Caiado assinou novo decreto com ações para garantir ainda mais segurança à população quanto à proliferação do novo coronavírus. O documento acrescenta uma série de regulamentações à publicação da última sexta-feira (13/03), que decretou situação de emergência na saúde pública em razão da disseminação da doença Covid-2019.

A partir desta quinta-feira (19/3) devem ser suspensas, por um período de 15 dias, todas as atividades em feiras, incluindo feiras livres, também em shoppings centers e nos estabelecimentos situados em galerias ou polos comercias de rua atrativos de compras. A lista inclui ainda cinemas, clubes, academias, bares, restaurantes, boates, teatros, casas de espetáculos e clínicas de estéticas. Excluem-se destas proibições os serviços de entrega.

Também não se incluem na suspensão prevista no decreto os estabelecimentos médicos, hospitalares, laboratórios de análises clínicas, farmacêuticos, psicológicos, clínicas de fisioterapia e de vacinação, distribuidoras e revendedoras de gás, postos de combustíveis, supermercados e congêneres.

 

Copyright © 2020 - Nos Opinando - Liberdade de opinião em primeiro lugar. Shared By Fancy Text Generator