Connect with us

Cidades

Superintendente de Vigilância em Saúde da Prefeitura de Goiânia fala sobre estratégia de vacinação contra febre amarela

Published

on

O Superintendente de Vigilância em Saúde da Prefeitura de Goiânia, Robson Azevedo, apresentou, hoje, 31/01, nova estratégia de vacinação contra febre amarela na capital. Fazendo questão de deixar muito claro que  Goiânia não está em situação de surto e também não tem registrado mortes de macacos pela doença, Azevedo disse que, a partir de agora, as doses serão concentradas em 14 unidades de saúde de Goiânia.

O Superintendente esclareceu que as doses serão oferecidas para pessoas que nunca se vacinaram ou receberam apenas uma dose há mais de 10 anos, já que quem recebeu duas ou mais doses da vacina estão protegidos para o resto da vida e não precisam mais se vacinar. “Em média aplicamos neste ano 1.200 doses por dia. Desde 1942 não há casos de febre amarela urbana em Goiânia”, afirma o superintendente.

Robson Azevedo pontuou que “o momento é de atenção e as pessoas precisam saber se há necessidade ou não de serem vacinadas. O ideal é olhar o cartão de vacinação”, orienta, informando que, no momento, a Capital tem 6 mil doses da vacina em estoque e que já foram solicitadas novas doses ao Ministério da Saúde.

Continue Reading

Copyright © 2020 - Nos Opinando - Liberdade de opinião em primeiro lugar. Shared By Fancy Text Generator